Autor: Tabata Bohlen

CIENTIRINHAS #140

Texto da tirinha: Quadro 1: Menina está no supermercado com o pai e pega um tomate. O pai diz, apontando outra pilha: Não pega esse tomate. Pega o orgânico. Quadro 2: Menina agora pega uma manga. O pai, empurrando o carrinho de supermercado, avisa: Essa manga não, a orgânica. Quadro 3: Menina pega para um pacote de café e o mostra ao pai, que diz: Isso! Café orgânico. Quadro 4: Na sala de aula, a professora está distribuindo provas. A menina dos quadros anteriores cruza os braços e afirma: Não vou fazer essa prova, professora. Eu só estudo química...

Leia mais

CIENTIRINHAS #139

Texto da tirinha: Quadro 1: Dois cientistas trabalham no laboratório. Uma moça diz: Mitos têm a pretensão de explicar a origem de tudo, mas são baseados em ficção e fantasia. Quadro 2: Ela continua: Por isso Carl Sagan comparou a ciência a uma vela no escuro: ela entende que não tem todas as respostas, mas onde sua luz chega, sabemos onde estamos pisando. Quadro 3: Um apagão pega os dois de surpresa e deixa o laboratório às escuras. Quadro 4: À luz de uma vela, a cientista diz: Só que, sem verbas, a ciência não tem como avançar à...

Leia mais

Estamos criando zumbis?

Na véspera da Páscoa de 2019, pesquisadores de Yale publicaram um artigo na Nature contando que reviveram células cérebrais de porcos mortos. Mas o que isso implica? Como que isso foi feito? Assiste o vídeo para saber qual a importância e consequências desse estudo.

Leia mais

CIENTIRINHAS #138

Texto da tirinha: Quadro 1: quatro crianças conversam, sentadinhas no chão. Um menino diz: Foi minha mãe que escolheu meu nome. Eu me chamo Hélio porque ela é química. Quadro 2: uma menina responde: E o meu nome é Flora porque meu pai é biólogo. Quadro 3: uma garotinha que não falou ainda começa a se levantar, enquanto outro menino entra na conversa: Minha mãe é geógrafa. Por isso eu me chamo Nilo, em homenagem ao rio. Quadro 4: todos se voltam para a menina que se levantou e está indo embora triste. Uma das crianças comenta: Ué… que...

Leia mais